terça-feira, 19 de junho de 2018

Por quê as torcidas do Fluminense podem estar CALADAS diante dessa situação?!

Por FLUnômeno —

  • 17:55

    Foto para ilustrar retirada de um dos últimos protestos da torcida. Foto: Flunews - Divulgação.
    É indignante o total silêncio das torcidas organizadas do Fluminense presente ao atual momento político e financeiro do clube. Conforme anunciei algum tempo atrás, busquei informações através das torcidas organizadas, e descobri talvez o porque de tanta omissão por parte das mesmas. Mas uma coisa quero deixar bem claro aqui: nós não respondemos por torcida organizada alguma! O que vou falar aqui (bem superficialmente, claro) foi me passado por membros ligados por uma das maiores torcidas organizadas do Fluminense em atividade, que acompanha nosso trabalho, e nos cedeu gentilmente todas essas informações.

    Primeiro, entenda: diferente do que pensava, as torcidas organizadas não estão impedidas por estarem sujeitas a atual diretoria. Pelo contrário! Existem outros motivos que impedem protestos na sede do Fluminense, mas talvez o principal deles (este não é o único) seja o financeiro. Segundo informações que obtivemos, o novo plano de sócio torcedor acabou por si quebrando financeiramente ou tirando grande parte da renda das organizadas. Ao meu ver, torcidas organizadas são sociedades independentes, que são sustentadas ou pela venda de seus próprios produtos, ou através de sócios dessas torcidas. Claro que "quebrar" financeiramente pode soar como exagero, mas ao que parece, a mudança radical do novo plano de sócio colaborou para o "enfraquecimento" das mesmas.

    Segundo a informação que nos passaram, funcionava assim: qualquer sócio de uma torcida organizada pagava um valor irrisório (no caso, R$15) para ser membro da mesma mensalmente. Este procedimento é padrão em qualquer lugar do mundo. Em troca, o clube sedia alguns ingressos de cortesia para as torcidas organizadas (pelo menos, para esta da qual ele faz parte). 

    Com a mudança do plano de sócio torcedor, a cortesia de ingressos chegou ao fim. Para ter desconto nos ingressos, a ideia então era se associar ao Fluminense, para que qualquer um pudesse ter desconto nos ingressos. Uma das maneiras de sanar este problema (de modo que todo mundo saía ganhando) seria um plano especial para as organizadas. O plano de sócio torcedor continuaria tudo do jeito como você conhece, mas este seria um pouquinho mais caro para as organizadas. Seria assim: se um plano custava R$30, o plano para as organizadas ("Sócio-organizada") custaria R$45. Os membros de organizadas NÃO RECEBERIAM a cortesia, mas receberiam do clube R$15 de mensalidade por terem se associado no plano de sócio torcedor, e seus membros pagariam o desconto nos ingressos como qualquer um. A única diferença no preço do plano seria enviado para a organizada da qual aquele membro também faria parte.

    Trocando em miúdos: se você era membro de uma torcida organizada, você pagava o valor de mensalidade + o valor do seu plano (à sua escolha), teria direito ao desconto de ingressos, e ajudava a manter a torcida organizada, que tem altos custos operacionais para manter, e na maioria das vezes, mantém o trabalho por amor ao clube. Isso seria ótimo, pois "forçaria" os membros de organizadas se tornarem sócios do clube, de modo a aumentar o número de sócios torcedores. O que o clube faria então, era "devolver" a taxa que as organizadas já cobrariam naturalmente de seus membros.

    Segundo informações, este plano de sócio torcedor especial para organizadas foi NEGADO pela atual gestão que, segundo me revelaram, inventaram um monte de desculpas para não aceitarem. Isso acabou por hora, atrapalhando a situação financeira das organizadas. Claro que este NÃO é o único motivo para o enfraquecimento financeiro das organizadas e talvez nem o principal motivo, mas colabora bastante. 

    Entenda: as organizadas não recebem nenhum incentivo financeiro para se tornarem ativas, e dependem da venda de produtos para sobreviverem. Assim sendo, para ter um plano que REALMENTE lhe dê desconto em ingressos, você deve pagar algo em torno de R$50 mensal atualmente. Pela atual crise financeira que estamos passando, um membro de organizada pagaria em torno R$65 por mês (R$50 do plano + R$15 da organizada, se o valor for este!), além dos INGRESSOS (com desconto) e todo o valor para ir aos jogos. 

    Assim sendo, ou você tem dinheiro para pagar o sócio torcedor (e garantir seu desconto nos ingressos) ou você tem dinheiro para se filiar nas organizadas (e pagar caro). Só se você for MUITO bem resolvido financeiramente que aí sim você pode ter o grande privilégio de se filiar nos dois, mas isso não é para a maioria atualmente. Pelo que eu entendi, as organizadas estão minadas financeiramente pelo novo plano da Flusócio.  Neste mundo capitalista, você não faz nada sem dinheiro! Lembrando que este não é o único motivo (o buraco é muito mais embaixo!), mas ele pesa também. O impedimento para estar no Maracanã em alguns casos pode até ser mais grave, pois gera a venda de produtos que sustentam essas organizações.

    Pessoal, isto são das algumas informações sobre este caso que me passaram para que possamos entender sobre esta questão. Estou aqui repassando as informações. Em breve tenho certeza que as  próprias organizadas vão expor melhor esta situação atual. Acho que expus apenas a ponta do iceberg. Acho que toda a torcida tem que saber a verdade de tudo.

    E vocês, o que acham disso?! Deixe sua opinião nos comentários abaixo.

    Aproveite e saiba também TUDO sobre o Fluminense seguindo nossas redes sociais.

    Youtube - https://www.youtube.com/channel/UCjW26i7X_UDWD8uou-SdImw

    Acesse TODOS OS DIAS www.flunomeno.com, coloque o endereço nos seus favoritos e visite nosso blog de hora em hora para ficar informado com notícias do Fluminense e tudo sobre nosso querido Fluzão.