[facebook]

sábado, 25 de novembro de 2017

RÍDICULO: Fluminense não consegue nem vencer o Sport em casa

Por FLUnômeno —

  • 19:03

    Foto: Lucas Merçon - Fluminense FC (Divulgação).
    Depois da vitória contra a Ponte Preta, o Fluminense pegaria o Sport por mais uma rodada do Campeonato Brasileiro. Assegurado na Série A em 2018, o Fluminense jogaria apenas por uma vaga na Copa Sul Americana da próxima temporada. Para o time de Recife, porém, o jogo acabou sendo encarado como uma decisão, porque ainda luta contra o rebaixamento. Antes da partida, um minuto de silêncio por causa da tragédia com a Chapecoense, que completou um ano.

    O Sport abre o placar logo aos 11 minutos, com André. O Sport continuou pressionando, e chegou ao segundo com aos 23 minutos, também com André. O Fluminense não se encontrou em campo, e acabou duramente pressionado pelo adversário no Maracanã. Aos 37 minutos, o Tricolor chegou ao gol com um GOLAÇO de Marcos Jr, que de bicicleta, abriu o placar para o Fluminense. Com o gol, o Flu se animou na partida, e buscou mais oportunidades de empatar. No entanto, o primeiro tempo terminou com derrota parcial para o Sport, por 2 x 1.





    Veio o segundo tempo. Precisando da virada, Abel já mexe na equipe, trazendo Wendel e Matheus Alessandro no lugar de Sornoza e Marlon Freitas. O jogo ficou aberto, com Sport e Fluminense tendo algumas oportunidades de gol. O Fluminense não aproveitou o fator casa, e o Sport teve mais chances de marcar o terceiro, como o Fluminense de marcar o segundo! No fim das contas, o Sport encerrou o tabu de quase 15 anos e venceu o Tricolor no Maracanã.

    Com o resultado, o Tricolor continuou nos 46 pontos. Não pode ser mais rebaixado, mas ficará muito difícil conseguir a vaga na Copa Sul Americana.

    FLUMINENSE 1 x 2 SPORT. Dia 25 de Novembro de 2017
    Gols: André (11 e 23 min 1°T); Marcos Jr (37 min 1°T)

    FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Lucas, Renato Chaves, Henrique, Marlon; Marlon Freitas (Matheus Alessandro), Douglas, Gustavo Scarpa (Pedro), Sornoza (Wendel), Marcos Jr; Henrique Dourado. Técnico: Abel Braga.

    SPORT: Magrão; Raul Prata, Oswaldo Henríquez, Durval, Sander; Anselmo, Patrick, Marquinhos (Rogério), Diego Souza (Índio), Mena (Rithely); André. Técnico: Daniel Paulista.