[facebook]

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Fluminense perde a segunda seguida: no Brasileiro, e também para o Grêmio no Maracanã

Por FLUnômeno —

  • 23:09

    Bota batendo na mão do jogador gremista. Pênalti?!
    Foto: Reprodução (Premiere FC/Sportv).
    Eu não cheguei a assistir toda a partida, chegando acompanhar apenas após os 30 minutos do primeiro tempo, e não procurarei fazer uma resenha mais detalhada do jogo por causa da frustração por mais uma derrota do Fluminense.

    É pessoal, a ficha caiu: Fluminense lutará para não cair esse ano! De um time que foi campeão invicto da Taça Guanabara, amargar a segunda derrota seguida no Campeonato Brasileiro, e a segunda seguida pro Grêmio no Maracanã é muita sacanagem! O Grêmio levou a melhor ao vencer com dois gols de bola parada. O primeiro eu não vi, mas o segundo acredito que foi FALHA do goleiro (reserva) Júlio César, que se adiantou pro lado errado, e não conseguiu pegar a bola do outro lado. Também houve um gol anulado do Fluminense, e duas bolas na mão no jogador do Grêmio.

    Não pensem que este time vai ser campeão da Copa Sulamericana porque não vão não! O atual presidente do Fluminense tem como prioridade manter a promessa de construção de Estádio sem ao menos contar com um patrocínio master. Assim sendo, somos obrigados a ter um time com retornos de empréstimos do STK Samorin (clube da 2ª divisão da Eslováquia), com a outra metade da equipe no Departamento Médico, e tendo que Abel pegar garotos que recém vieram da base.

    Domingo tem clássico contra o Flamengo, que está com um time muito mais estruturado que o nosso (em termos de elenco). A parada é contar com 45 pontos para terminar 2017 e pensar num ano melhor em 2018, isto é, se não for tão ruim quanto 2017... Isso entristece o torcedor.

    FLUMINENSE 0 X 2 GRÊMIO. Dia 15 de Junho de 2017.

    Fluminense: Júlio César; Lucas (Renato), Reginaldo, Henrique, Léo Pelé (Lucas Fernandes); Mateus Norton, Wendel, Gustavo Scarpa (Pedro); Richarlison, Henrique Dourado. Técnico: Abel Braga.

    Grêmio: Marcelo Grohe; Edílson, Pedro Geromel, Kannemann, Bruno Cortez; Michel, Arthur, Ramiro, Maicon (Everton), Pedro Rocha (Fernandinho; Luan (Gastón Fernández). Gols: Edílson, Luan. Técnico: Renato Gaúcho.