[facebook]

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Hoje no Goiás, Toró confessa arrependimento por não ter continuado mais tempo no Fluminense

Por FLUnômeno —

  • 11:58


    Tido como uma das grandes promessas do Fluminense em meados dos anos 2000, Toró acabou não respondendo as expectativas de quando estava na base do Fluminense. Acabou posteriormente parando no rival Flamengo, onde jogou por alguns anos. Hoje ele defende o Goiás, adversário do Fluminense pela quarta fase da Copa do Brasil 2017.

    Em entrevista ao portal Uol, ele cita um breve arrependimento por ter saído do Fluminense tão cedo, e ido para o rival. Confira:

    "Fui muito muito feliz no Fluminense, mas houve uma situação contratual melhor e minha mudança deu certo. Queria ter feito carreira lá, mas o Flamengo apareceu no meu caminho, tinha aquilo da família toda ser rubro-negra.  A questão é que não saí tão pronto, então meus primeiros jogos no Flamengo foram um pior que o outro. Eu queimei etapas, o jovem tem de entender que tem todo um processo. Queria ter trabalhado mais com o Abel. Meu único arrependimento foi o de não ter seguido meu trabalho com ele. Diria para esses jovens no Fluminense seguirem acreditando no Abelão. A gente bobeia em alguns momentos"

    Segundo informações, Toró teve começar a partida no banco. Mas ele não é o único jogador que saiu do Fluminense prematuramente, e não conseguiu se destacar mais na carreira. Acho que nem preciso citar a grande lista de jogadores que saíram cedo do clube para irem para outros, e acabaram nem se firmando lá... Enfim...

    Fonte (e Foto): Netflu (Divulgação).