[facebook]

domingo, 2 de julho de 2017

Dirigente do Fluminense responde crítica da torcida

Por FLUnômeno —

  • 14:29

    Uma das imagens do protesto de torcedores na sede das Laranjeiras. Divulgação.
    O Fluminense em 2017 não contratou quase ninguém, montando um time com Orejuela e Sornoza (negociados na gestão de 2016 de Peter Siemsen), além do lateral Lucas. O restante do time foi montado com jogadores vindo de empréstimos, e outras peças vindas do STK Samorin, clube parceiro do Fluminense, que atualmente está na segunda divisão do Campeonato da Eslováquia.

    A torcida cobra por reforços! Este foi um dos motivos do protesto que aconteceu nas Laranjeiras alguns dias atrás, porque o torcedor quer ver um Fluminense forte para disputar as competições. Em meio a isso, um dos dirigentes do Fluminense, Fernando Veiga, chegou a responder a torcida sobre a carência de reforços. Confira o que ele disse.

    “O torcedor fala que só contratamos o Lucas. Mas quem está pagando a vinda do Orejuela e do Sornoza somos nós. E não são baratos. Fora os gatilhos nos contratos dos jogadores (aumentos exponenciais) que engessaram a folha. Como estaríamos agora se não tivéssemos uma divisão de base forte?“.

    Bem... nós não sabemos como andam as negociações ou como mexer com o lado financeiro do clube. Porém, quando Pedro Abad estava disputando a presidência, chegou a fazer inúmeras promessas, como de um ídolo para o clube. Pelo visto, não cumpriu. A goleada sobre a Universidad Católica do Equador agradou a torcida, mas a gente não esqueceu das inúmeras cagadas que a atual diretoria tem feito no clube.

    Fonte: Torcedores.com