[facebook]

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Técnico do Flamengo elogia equipe do Fluminense e projeta grande duelo na final

Por FLUnômeno —

  • 19:44

    Foto: Explosão Tricolor (Divulgação)
    Como vocês bem sabem, Flamengo e Fluminense farão a final do Campeonato Carioca após 22 anos. A última vez que ambas equipes se enfrentaram numa final foi em 1995, quando Renato Gaúcho deu um fim no sonho de um título deles no Centenário, marcando no fim da partida o legendário gol de barriga. Assim como em 1995, Fluminense não perdeu para o Flamengo antes das finais. Nesta temporada, jogamos duas vezes contra eles, e ambos acabaram empatados.

    Além do mais, nesta temporada já faturamos a Taça Guanabara sobre o rival rubro negro nos pênaltis, após empate em 3 x 3. Agora o que está em questão é o título do Campeonato Carioca. O Flamengo não fatura o caneco desde 2014, quando ganhou do Vasco com gol impedido no fim. Já o Fluminense, o jejum é bem maior: desde 2012 o Fluminense não sabe o que é ser campeão carioca. Assim como em 2012, quem treinava a equipe do Flu era Abel Braga, que é responsável por esta grande equipe desta temporada!

    Zé Ricardo, atual técnico do Flamengo, rasgou elogios a equipe jovem do Fluminense, e projeta grande duelo contra o Tricolor. Confiram.

    "Flamengo e Fluminense chegaram merecidamente a essa condição. A pontuação geral acabou prevalecendo. Sabemos que em clássico não tem favorito. O Abel, em pouco tempo à frente do elenco do Fluminense, conseguiu montar uma equipe extremamente competitiva. É muito bom ver o Fluminense jogar. É uma equipe jovem, com um meio de campo talentoso e muita velocidade no ataque. Logicamente que tanto o Flamengo quanto o Fluminense têm suas armas e tenho certeza de que serão dois grandes jogos" 

    Fluminense e Flamengo decidem nos dois próximos Domingos o Campeonato Estadual. Desta vez não há vantagem para ninguém, vencendo quem marcar mais gols. Em caso de empate na somatória dos dois jogos, o campeão será decidido nos pênaltis.

    Fonte: Explosão Tricolor